Arquivo para Janeiro 2012

Estamos quase com um mês passado do novo ano, mas ainda falta analisar muita coisa do ano que passou. No que diz respeito a esta Aldeia Global que é a Internet, seria importante e curioso saber os números que a compõem, isto é, quantos foram os utilizadores em 2011, quantas contas de email existiram, quantos sites e redes sociais, a quantidade de vídeos e filmes vistos, etc.. E, assim, o site Pingdom apresentou os números da Internet de 2011!

Continuar a ler >>

Fonte: Pplware

Link permanente

Comments Sem Comentários »

O dia 18 de Janeiro de 2012 vai ficar na história como o dia do primeiro “apagão” na Internet. Vários sites de referência, entre os quais a versão em língua inglesa da Wikipedia e o da plataforma de blogues Wordpress, bloquearam hoje total ou parcialmente o acesso às suas páginas, em protesto contra duas leis em discussão no Congresso norte-americano que poderão afectar o funcionamento de sites registados fora dos Estados Unidos – o Stop Online Piracy Act (SOPA) e o Protect IP Act (PIPA).

(…)

SOPA e PIPA: o que são, quem defende e quem ataca

O Stop Online Piracy Act (SOPA) e o Protect IP Act (PIPA) são duas propostas de lei que estão a ser discutidas no Congresso dos Estados Unidos – a primeira na Câmara dos Representantes e a segunda no Senado.

Leia a notícia completa >>

Fonte: JN

Link permanente

Comments Sem Comentários »

No âmbito do ciclo O Livro do Mês, divulgamos em Janeiro uma obra da área da Sociologia das Organizações.

O livro estará exposto no 1º piso da Biblioteca onde poderá encontrar uma brochura com Informação Biográfica e Bibliográfica da Autora.

O Livro deste mês intitula-se Sociologia da Empresa e das Organizações, da autoria de Duarte Pimentel.

Cartaz do Livro do Mês

Cartaz do Livro do Mês

Obtenha aqui a Brochura com notas biográficas e bibliográficas dos autores desta obra, bem como de outras obras.

Consulte o índice da obra >>

Esperamos os seus comentários relativos ao livro ou ao tema.

Link permanente

Comments Sem Comentários »

No âmbito do ciclo Arte na Biblioteca, promovido pela Biblioteca do ISCTE-IUL, divulgamos a Exposição Acredito…, da autoria da Senhor de Si.

A Exposição estará patente de 16 de Janeiro a 16 de Fevereiro de 2012.

Cartaz da Exposição

Cartaz da Exposição

Obtenha aqui material (fotos, brochuras, etc.) acerca do ciclo Arte na Biblioteca.

Diga-nos o que achou acerca desta actividade. Esperamos os seus comentários.

Link permanente

Comments Sem Comentários »

No 76º aniversário da morte de Fernando Pessoa, a Universia Brasil separou 13 obras do escritor e poeta português disponíveis em dominio público para download gratuito.

Fotografia de Fernando Pessoa (Fonte: Wikipédia)

Fotografia de Fernando Pessoa (Fonte: Wikipédia)

Os livros foram retirados do portal Dominio Público, biblioteca digital mantida pelo Ministério da Educação. Entre a selação estão inclusive obras de dois de seus heterônimos: Alberto Caeiro e Bernardo Soares, autores fictícios que possuem personalidade.

Fonte e download >>

Link permanente

Comments Sem Comentários »

Já imaginou uma biblioteca onde não há datas de entrega do empréstimo nem bibliotecários? Artistas israelenses desenvolveram um novo modelo para a biblioteca urbana: uma biblioteca de autocarro gratuita para os utentes/passageiros de todas as idades.

Daniel Shoshan e Amit Matalon, criaram um novo conceito de biblioteca pública calculando que as pessoas às vezes têm um longo período de espera nas paragens de autocarro. A dupla construíu uma série de estantes de livros em paragens de autocarros, em todas as cidades israelenses.

Instalação das estantes numa paragem de autocarros (retirada da fonte original)
Instalação das estantes numa paragem de autocarros (retirada da fonte original)

O objetivo é que qualquer possa levar um livro da prateleira, lê-lo na paragem ou levá-lo no autocarro e devolvê-lo quando terminar. Um empréstimo sem datas de vencimento, sem multas por atraso e não há regras.

(…)

Fonte: Balcão de Biblioteca

Quer saber mais? >>

Link permanente

Comments Sem Comentários »

O termo “kopimism” (de “kopimi” – lê-se “copy me”) é de difícil tradução para o português, mas o principal mandamento desta nova igreja é fácil de compreender pelos falantes de qualquer língua: copiarás e partilharás livremente todos os ficheiros que te aparecerem pela frente.

O fundador da Igreja do Kopimism é um jovem sueco de 19 anos, estudante de Filosofia. Chama-se Isak Gerson e está hoje muito activo no Twitter, a responder a solicitações e a agradecer os parabéns pelo reconhecimento da sua crença como religião oficial. Entre as respostas aos “tweets”, ainda tem de arranjar tempo para manter online o site oficial da sua congregação. Devido ao excesso de visitas, Isak Gerson viu-se obrigado a deixar uma mensagem no Twitter a todos os interessados: “Os nossos servidores estão a ser reiniciados de cinco em cinco minutos. Se o site estiver em baixo, esperem uns minutos e tentem novamente!”

(…)

A informação é sagrada e o acto de copiar é um sacramento

Símbolo da nova Igreja (retirado da fonte)

Símbolo da nova Igreja (retirado da fonte)

A missão dos membros da Igreja do Kopimism não podia ser mais simples, como se pode ler num comunicado publicado no site oficial: “Para a Igreja do Kopimism, a informação é sagrada e o acto de copiar é um sacramento. A informação possui um valor em si mesma e naquilo que ela contém e esse valor é multiplicado através da cópia. Assim, o acto de copiar é central para a organização e para os seus membros”.

Outra das cruzadas desta nova religião é a luta contra os direitos de autor: “Ser proprietário de software (manter o código-fonte escondido das outras pessoas) é comparável à escravatura e deve ser proibido”.

(…)

A Igreja do Kopimism passou de 1000 para 3000 membros (ou “kopimists”) no segundo semestre de 2011, mas o reconhecimento oficial por parte das autoridades suecas deverá impulsionar ainda mais o crescimento desta comunidade. Para se ser membro da Igreja do Kopimism não é preciso preencher formulários; “basta sentir um chamamento para adorar o mais sagrado de tudo o que é sagrado – a informação e a cópia”.

Fonte: Público

Quer saber mais? >>

Link permanente

Comments Sem Comentários »

Bad Behavior has blocked 466 access attempts in the last 7 days.