CICLO DE SEMINÁRIOS

Dinâmia-CET

A Relevância da Cultura na Competitividade Nacional: O Caso da Marca Portugal

Filipe Murraças

(MEPP/ISCTE-IUL)

11 de Março, 13h30/15h00

Sala C301

Tendo como ponto de partida o estudo do reflexo da cultura e identidade cultural de um território na sua competitividade, procedeu-se à introdução da ideia de country branding enquanto veículo de promoção económica nacional. Os quatro indicadores económicos aqui estudados são: as exportações, o investimento directo externo, o “capital humano”, mas mais específicamente o turismo. Como objectivo final, pretende-se argumentar de que forma, num contexto de globalização, a cultura poderá ser vista como matriz de diferenciação económica e, por essa via, de competitividade internacional. Neste âmbito, procedeu-se à integração da competitividade da economia portuguesa e, em particular, da sua “marca” no referido modelo de análise.”

Link permanente

Deixe uma resposta


Bad Behavior has blocked 243 access attempts in the last 7 days.